Bem-vindo à BOL. O nosso site usa cookies e outras tecnologias para personalizar a sua experiência e compreender como você e os outros visitantes usam o nosso site.
Para ver uma lista completa das empresas que usam estes cookies e outras tecnologias e nos informar se podem ou não ser utilizadas no seu dispositivo, aceda à nossa página de política de cookies.

Concordo
Distrito Sala
Detalhe Evento
Alkantara Festival - GISHER

Alkantara Festival - GISHER

Teatro & Arte | Dança

São Luiz Teatro Municipal

Sala Mário Viegas
Classificação Etária
A classificar pela CCE
Bilhete Pago
A partir dos 3 anos
2021
nov
21
a
2021
nov
23
Realizado

Duração

90 minutos

Promotor

EGEAC, Empresa de Gestão de Equipamentos e Animação Cultural

Sinopse

A Síndrome do Impostor é uma herança ancestral é um trauma intergeracional.
Ontem, tinha tanto fogo que tive de me deitar na relva, com as palmas das mãos no chão.
Queria deixar de sentir o meu corpo a queimar tanto.
Ter-me-ei transformado no meu próprio mecanismo de compensação?
Auto-saboto-me por ter imensas opiniões sobre o amor que recebo.
Mas não posso receber apenas amor, quem
raio consegue isso?
Estou tão cansada.
Estou tão cansada.
(Não me conheço sem o meu cansaço.)
Quem me dera poder escrever antes da minha própria crítica antes deste sentido de dignidade hegemónico interiorizado.
Antes do sentimento de não ter pensado em tudo, de não ter considerado todas as coisas potencialmente catastróficas e as formulações passíveis de tudo destruir. Eu.
Porque é tão confuso. Sim. Nasci numa segunda-feira.

Giorgia Ohanesian Nardin

gisher é um vídeo para um espaço de performance. No centro estão imagens que multiplicam e decompõem o ato de olhar, propondo a quem vê que se Oriente. Encontram-se palavras escritas e ditas, oferecidas e traduzidas, lidas e ruidosas. Gisher é o ato de alimentar, de manter aceso, de queimar.

Giorgia Ohanesian Nardin é artista, faz investigação independente e é ativista queer de ascendência arménia. Com formação em dança, o seu trabalho existe nas formas de movimento, vídeo, texto, coreografia, som, encontros e negociações com narrativas de hostilidade, repouso, fricção, sensualidade e de cura.

Ficha Artística

TEXTO Giorgia Ohanesian Nardin
FILMAGENS F. De Isabella, Giorgia Ohanesian Nardin
COMPOSIÇÃO DE SOM E LUZ F. De Isabella
DRAMATURGIA-VÍDEO F. De Isabella, Giorgia Ohanesian Nardin
AMBIENTE DE LUZES Giulia Pastore
PERGUNTAS Kamee Abrahamian, Ilenia Caleo, Taguhi Torosyan
TRADUÇÃO Giorgia Ohanesian Nardin, Taguhi Torosyan, Matilde Vigna; Notas de tradução: Clark Pignedoli
VOZES Kamee Abrahamian, Chiara Bersani, F. De Isabella, Simone Derai, Maddalena Fragnito, Jamila Johnson-Small, Ndack Mbaye, Giorgia Ohanesian Nardin, Raffaele Tori, Taguhi Torosyan
DESIGN EDITORIAL Flo Low
PRODUÇÃO Giulia Messia
VÍDEOS Ghost Theatre, Vahram Galstyan and Repentance; Variation on themes, Pinturicchio and Raphael (dedicado a Vasily Katanyan) de Sergei Parajanov
AGRADECIMENTOS Studio Azzurro, Luca Chiaudano, Yuri D., Valentina Stucchi
PRODUÇÃO Associazione Culturale VAN, Ministero per i Beni e le Attività Culturali, Regione Emilia-Romagna, Centrale Fies Art Work Space

-
Partilhar
Cartão São Luiz

Serviços Adicionais