Bem-vindo à BOL. O nosso site usa cookies e outras tecnologias para personalizar a sua experiência e compreender como você e os outros visitantes usam o nosso site.
Para ver uma lista completa das empresas que usam estes cookies e outras tecnologias e nos informar se podem ou não ser utilizadas no seu dispositivo, aceda à nossa página de política de cookies.

Concordo
Distrito Sala
Detalhe Evento
O Canto do Cisne

O Canto do Cisne

Teatro & Arte | Dança

Teatro Camões

Teatro Camões
Classificação Etária
Maiores de 6 anos
Bilhete Pago
A partir dos 3 anos
2021
jul
01
a
2021
jul
04
Realizado

Duração

55 minutos

Promotor

OPART - Organismo de Produção Artística, EPE

Sinopse

O Canto do Cisne, uma coreografia de Clara Andrematt, foi uma das últimas peças dançadas pelo Ballet Gulbenkian antes da sua extinção. Desafiada pela CNB, a coreógrafa revisita a peça juntamente com a equipa artística original.

Clara Andermatt procura o desconhecido pela via do mistério e da surpresa que encontra no conhecido, em direção ao que provavelmente de mais enigmático existe em tudo o que desconhecemos: a morte. Formalmente decide utilizar A Morte do Cisne, de Camille Saint-Saens, pedindo a Vítor Rua que crie variações a partir do tema original. Andermatt aborda a morte não como o final do que quer que seja, mas justamente como o que deixamos para trás quando definimos novos caminhos; não a morte como terminal, mas como princípio de futuro que ela contém, para reinventar novas regras, novos conceitos; um momento que a coreógrafa decide identificar como o canto do cisne. O presente acaba por revelar-se uma contínua constatação de que é passado, porque tudo em nós se encontra em incessante mutação, e simultaneamente é futuro, que desconhecemos, e em função do qual agimos invariavelmente buscando nova adaptação. Para melhor compreensão da sua intenção, Clara Andermatt cita Peggy Phelan: Quando pensas que encontraste a forma de amar, de observar ou de lembrar alguém, já tudo mudou.

Ficha Artística

Coreografia e direção - Clara Andermatt
Assistentes da coreógrafa - Amélia Bentes e Barbara Grigi
Música - Vitor Rua
Desenho de luz - Manuel Abrantes a partir do desenho de luz original de Rui Horta
Figurinos - Aleksandar Protich

Preços

Plateia A – 20€

Plateia B – 18€

Plateia C – 15€

Plateia D – 10€

                       

DESCONTOS                                                                                                

 

Menores de 25 – 25%

Maiores de 65 – 25%

Grupos >10 pax – 15% (apenas disponível nas bilheteiras do Teatro Camões e Teatro Nacional de São Carlos)        

Cartão FNAC – 15% (até 2 bilhetes, mediante apresentação do cartão no acto da compra; apenas disponível nas bilheteiras do Teatro Camões, Teatro Nacional de São Carlos e lojas FNAC)

Cartão LisboaViva – 15% (até 2 bilhetes, mediante apresentação do cartão no acto da compra; apenas disponível nas bilheteiras do Teatro Camões e Teatro Nacional de São Carlos)

Desempregados - 25% (para o próprio; apenas disponível nas bilheteiras do Teatro Camões e Teatro Nacional de São Carlos)

És.Cultura’18 – 100% (para quem completa 18 anos no ano de realização do espetáculo; apenas disponível nas bilheteiras do Teatro Camões e Teatro Nacional de São Carlos)

Profissionais e estudantes da área do espetáculo - 25% (para o próprio)  

Pessoas com necessidades especiais - 25% (para o próprio e máx. 1 acompanhante)

CNB em Família – 50% (até dois adultos quando acompanhados por criança(s) até 12 anos, apenas aplicado aos Sábados e Domingos)

           

 

CONDIÇÕES

Os descontos não são acumuláveis e aplicam-se em todas as plateias e espetáculos, exceto visibilidade reduzida e galerias;

Os lugares de visibilidade reduzida e galerias só estão disponíveis na bilheteira do Teatro Camões uma hora antes do espetáculo, em caso de lotação esgotada.

Transportes Públicos

Autocarros Carris: 728 e 26B

-
Partilhar

Serviços Adicionais

Veja ainda: