Bem-vindo à BOL. O nosso site usa cookies e outras tecnologias para personalizar a sua experiência e compreender como você e os outros visitantes usam o nosso site.
Para ver uma lista completa das empresas que usam estes cookies e outras tecnologias e nos informar se podem ou não ser utilizadas no seu dispositivo, aceda à nossa página de política de cookies.

Concordo
Distrito Sala
Detalhe Evento
Alguém Terá de Morrer - Duplaface – Companhia das Artes

Alguém Terá de Morrer - Duplaface – Companhia das Artes

Teatro & Arte | Teatro

Teatro Diogo Bernardes

T. Diogo Bernardes
Classificação Etária
Maiores de 6 anos
Bilhete Pago
Todas as Idades
2021
mai
14

Sessão

14 mai 2021 20:00
Dias
Hrs
Min
Seg

Duração

55 minutos

Abertura Portas

19:00

Promotor

Município de Ponte de Lima

Sinopse

Alguém Terá de Morrer, peça de Luiz Francisco Rebelo, foi representada, pela primeira vez, em 1956, no Teatro Nacional.
Apesar da distância temporal que a separa dos dias de hoje, ela revela-se de uma extraordinária actualidade: a tensão dramática constrói-se a partir de uma espécie de tribunal de consciências, espoletada pela visita estranha de um desconhecido, que anuncia a morte de um dos membros de uma família burguesa, a ocorrer impreterivelmente até à meia-noite daquele dia. O equilíbrio precário de aparências vai trazer à superfície conflitos geracionais, sentimentos ocultos e práticas de vida socialmente pouco recomendáveis, até à consumação da tragédia final.

Ficha Artística

Adaptação e encenação: Sílvia Barbosa e Rui Mendonça
Assistência de encenação: Susana Luciano
Construção de espaço cénicos e adereços: Álvaro Castro, António Vale, Conceição Portela, Domingos Gonçalves e Duplaface Companhia das Artes
Desenho de luz: Mário Simões
Sonoplastia: Sílvia Barbosa e Rui Mendonça
Operação de som: Sílvia Barbosa
Apoio à produção: Paulo Alves
Figurinos: Duplaface Companhia das Artes
Imagem do cartaz: Doroteia Fernandes (Grafislimia)
Elenco:
Augusta: Albertina Fernandes
Marta: Susana Luciano
Rui: Stefan Baptista
Gabriela: Beatriz Gonçalves
Vítor Manuel: Miguel Máximo
Desconhecido: Margarida Dias
Contatos:
acra.geral@gmail.com / 00351 96 24 71 681
https://www.facebook.com/GrupoTeatroDuplaface

Informações Adicionais

O número máximo de entradas a adquirir na bilheteira física, apenas no caso de existirem filas, será de 4 bilhetes por pessoa, cumprindo-se a lotação estabelecida em cumprimento do Plano de Contingência Covid-19, de acordo com a planta da sala adaptada em função do mesmo.

- Lugares individuais na plateia e para coabitantes (2, 3 e 4 lugares) nas frisas e camarotes.

- Os bilhetes para as frisas e camarotes serão vendidos em bloco, na totalidade dos lugares.

MUITO IMPORTANTE:
- As portas abrirão, pelo menos, uma hora antes do início dos espectáculos e pede-se aos espectadores que compareçam mais cedo, com, pelo menos, meia-hora de antecedência para se efectuarem todos os procedimentos de segurança.
- Os espectáculos terão início à hora marcada.
- Não será permitida a entrada após o início dos espectáculos.
- Os espectadores devem cumprir rigorosamente todas as instruções dos assistentes de sala, devidamente identificados e em nenhum caso poderão trocar de lugares ou deslocar-se pelo recinto sem motivo justificado.
- No final de cada espectáculo, os espectadores deverão, obrigatoriamente, permanecer sentados nos seus lugares até serem instruídos pelos assistentes de sala para abandonar o recinto, por local diferente da entrada, de forma disciplinada e respeitando o distanciamento físico.

POR FAVOR, NÃO ESQUEÇA:
- É obrigatório o distanciamento físico de 2 metros no acesso ao recinto e às bilheteiras (a lotação da bilheteira do Teatro Diogo Bernardes é de 1 pessoa).
- É obrigatória a medição de temperatura de todos os presentes, sem registo escrito, à entrada do recinto.
- É obrigatória a higienização das mãos à entrada no recinto.
- É obrigatório o uso de máscara por parte do público durante todo o tempo dos espectáculos.
- A abertura do teatro será antecipada para assegurar o acesso atempado ao mesmo, devendo os espectadores dirigir-se de imediato aos lugares indicados pelos assistentes de sala, cumprindo rigorosamente as instruções dos mesmos.
- A permanência nos locais de atendimento deve ser limitada ao tempo estritamente necessário à realização do atendimento.
- O bar do Teatro Diogo Bernardes encontra-se encerrado.
- Nas instalações sanitárias, feminina e masculina, apenas serão permitidas duas pessoas em simultâneo, situação que será sempre controlada por um assistente de sala à entrada das mesmas.
- Não será permitida a permanência de espectadores no interior do Teatro Diogo Bernardes após o final dos espectáculos.
Agradecemos a colaboração de todos para continuarmos a oferecer Serviço Público de Cultura.

Preços

Preço Único: 4€

-
Partilhar

Serviços Adicionais

Veja ainda:

Cati Freitas - Voz e Piano

Música & Festivais | Música

Teatro Diogo Bernardes

T. Diogo Bernardes

Rui David - Contraluz

Música & Festivais | Música

Teatro Diogo Bernardes

T. Diogo Bernardes