Bem-vindo à BOL. O nosso site usa cookies e outras tecnologias para personalizar a sua experiência e compreender como você e os outros visitantes usam o nosso site.
Para ver uma lista completa das empresas que usam estes cookies e outras tecnologias e nos informar se podem ou não ser utilizadas no seu dispositivo, aceda à nossa página de política de cookies.

Concordo
Distrito Sala
Detalhe Evento
Não Canteis a Valsa, três cadernos em dueto | Dança em Diálogos

Não Canteis a Valsa, três cadernos em dueto | Dança em Diálogos

Teatro & Arte | Dança

Teatro Diogo Bernardes

T. Diogo Bernardes
Classificação Etária
Maiores de 6 anos
Bilhete Pago
Todas as Idades
2021
dez
07
Realizado

Duração

75 minutos

Abertura Portas

21:00

Promotor

Município de Ponte de Lima

Sinopse

Um bailado interartístico que parte de um diálogo interpretativo da dança sobre a música e vice-versa. Começa pela música que provoca a dança, mas porque se trata de uma atuação ao vivo, a mesma música não fica indiferente à resposta que lhe oferece a dança. Ambas as expressões surgem como metamorfoses em simultâneo. O sentimento e a expressão popular presente na obra Melodias Rústicas Portuguesas, de Fernando Lopes-Graça, reflete, também, um sentido de Portugalidade que aqui se corporifica no desenho da dança. Um desenho interativo que advém da inspiração que se extrai da imagética intensa e dinâmica da obra artística visual de Helena Almeida.

Ficha Artística

Direção artística: Solange Melo e Fernando Duarte

Coreografia: Fernando Duarte
Música: Fernando Lopes-Graça, Melodias Rústicas Portuguesas; Excertos de Música Tradicional Portuguesa (recolha de F. Lopes-Graça e Michel Giacometti)
Figurinos: José António Tenente
Desenho de Luz: VP

Intérpretes:
Carlota Rodrigues
Margarida Trigueiros
Valentina Codinha
Joshua Feist
Pedro António Carvalho

Ao Piano: Duarte Pereira Martins e Philippe Marques

Um co-produção: Dança em Diálogos - Cine-Teatro Avenida/Município de Castelo Branco

Apoio aos Ensaios: Fátima Brito
Assistentes de Produção: Maria Gama_Margarida Garcez

Apoio à Criação: Direção-Geral das Artes, República Portuguesa/Cultura

Apoio à criação através de Residências Artísticas:
Biblioteca Nacional de Portugal
Centro de Dança de Oeiras
Estúdios Victor Córdon
Polo Cultural das Gaivotas-Boavista / Câmara Municipal de Lisboa
LX Dance

Apoios:
MPMP - Movimento Patrimonial pela Música Portuguesa
Arte Institute

Agradecimento: Biblioteca Nacional de Portugal

Informações Adicionais

O número máximo de entradas a adquirir na bilheteira física, apenas no caso de existirem filas, será de 4 bilhetes por pessoa, cumprindo-se a lotação estabelecida em cumprimento do Plano de Contingência Covid-19, de acordo com a planta da sala adaptada em função do mesmo.

MUITO IMPORTANTE:
- As portas abrirão, pelo menos, uma hora antes do início dos espectáculos e pede-se aos espectadores que compareçam mais cedo, com, pelo menos, meia-hora de antecedência para se efectuarem todos os procedimentos de segurança.
- Os espectáculos terão início à hora marcada.
- Não será permitida a entrada após o início dos espectáculos.
- Os espectadores devem cumprir rigorosamente todas as instruções dos assistentes de sala, devidamente identificados e em nenhum caso poderão trocar de lugares ou deslocar-se pelo recinto sem motivo justificado.
- No final de cada espectáculo, os espectadores deverão, obrigatoriamente, permanecer sentados nos seus lugares até serem instruídos pelos assistentes de sala para abandonar o recinto, por local diferente da entrada, de forma disciplinada e respeitando o distanciamento físico.

POR FAVOR, NÃO ESQUEÇA:
- É obrigatório o distanciamento físico de 2 metros no acesso ao recinto e às bilheteiras (a lotação da bilheteira do Teatro Diogo Bernardes é de 1 pessoa).
- É obrigatória a medição de temperatura de todos os presentes, sem registo escrito, à entrada do recinto.
- É obrigatória a higienização das mãos à entrada no recinto.
- É obrigatório o uso de máscara por parte do público durante todo o tempo dos espectáculos.
- A abertura do teatro será antecipada para assegurar o acesso atempado ao mesmo, devendo os espectadores dirigir-se de imediato aos lugares indicados pelos assistentes de sala, cumprindo rigorosamente as instruções dos mesmos.
- A permanência nos locais de atendimento deve ser limitada ao tempo estritamente necessário à realização do atendimento.
- O bar do Teatro Diogo Bernardes encontra-se encerrado.
- Nas instalações sanitárias, feminina e masculina, apenas serão permitidas duas pessoas em simultâneo, situação que será sempre controlada por um assistente de sala à entrada das mesmas.
- Não será permitida a permanência de espectadores no interior do Teatro Diogo Bernardes após o final dos espectáculos.

Agradecemos a colaboração de todos para continuarmos a oferecer Serviço Público de Cultura.

Preços

Preço Único: 5€

Não Canteis a Valsa

-
Partilhar

Serviços Adicionais

Veja ainda:

Simeon Walker

Música & Festivais | Música

Teatro Diogo Bernardes

T. Diogo Bernardes